De Arrascaeta mantém confiança no Cruzeiro: 'Temos tudo para vencer o São Paulo'

A derrota por 1 a 0 e o mau futebol apresentado no jogo de ida diante do São Paulo, quarta-feira passada, parecem não ter abalado a confiança do meia De Arrascaeta na classificação do Cruzeiro para as quartas de final da Libertadores. Mesmo precisando vencer por dois gols de diferença, ele garantiu que vê a equipe com totais condições de avançar.

Estadão Conteúdo

12 de maio de 2015 | 12h05

"Creio que a equipe tem tudo para vencer o São Paulo e criar forças com essa classificação para chegar com respeito às quartas de final da Copa Libertadores, mas antes de tudo temos que estar preparados para reverter a vantagem do adversário e vencer esta importante partida", declarou.

Por conta da necessidade de vitória, o Cruzeiro pode entrar em campo com uma formação diferente, e De Arrascaeta pode ter outro meia, Gabriel Xavier, como companheiro. "Com certeza é um excelente jogador e temos tudo para estar entrosados dentro de campo, mas quem escala a equipe é o treinador Marcelo Oliveira e vamos esperar a sua definição", elogiou o uruguaio.

Se ainda vive fase de adaptação no Cruzeiro, o jogador já pôde comemorar a pré-convocação para integrar a seleção de seu país na Copa América. O meia não escondeu a felicidade com a possibilidade e só lamentou que desfalcará o time mineiro se de fato figurar na lista final do Uruguai.

"A convocação para a Copa América é uma motivação para qualquer jogador de futebol, principalmente para mim, já que defendo a camisa do Cruzeiro. Se isso se concretizar, infelizmente ficarei fora de algumas partidas pelo clube, mas vejo no elenco atletas gabaritados para me substituir à altura. Mas no momento estou somente interessado na classificação para a próxima fase da Libertadores", garantiu.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.