De 'camarote', Palmeiras torce por tropeço do Flamengo na rodada

Líder do Brasileiro joga somente na segunda-feira, dois dias após compromisso de rival direto

O Estado de S. Paulo

01 Outubro 2016 | 07h00

O líder do Campeonato Brasileiro terá um fim de semana diferente. Em vez de participar de algum dos oitos jogos deste sábado, o Palmeiras vai acompanhar à distância o confronto entre o vice-líder, o Flamengo, e um dos seus rivais no futebol paulista, o São Paulo, sem o técnico Cuca ter a vergonhar de admitir que vale torcer por vitória do time do Morumbi.

Como o Palmeiras tem somente um ponto de vantagem, caso o Flamengo vença no Morumbi, vai passar à frente na classificação e pressionar o Alviverde por vitória na segunda-feira. O adversário no Recife será o Santa Cruz. "Não podemos ser hipócritas e dizer que não vamos torcer. Lógico que a torcida do palmeirense é para o São Paulo, vai jogar contra um adversário direto nosso", afirmou o treinador.

A possibilidade de ver a rodada 'de camarote' deu ao Palmeiras a possibilidade de descansar mais os jogadores. O time atuou na quarta, contra o Grêmio, pela Copa do Brasil, e terá mais as manhãs de sábado e domingo para preparar o time que viaja para o jogo no estádio do Arruda. A equipe pernambucana, adversária de segunda-feira, está na zona do rebaixamento.

Cuca disse nesta sexta-feira que evita se preocupar com o resultado do jogo do Flamengo, mesmo ciente da relação direta entre o placar no Morumbi e a motivação do Palmieras na segunda. "Vou estar trabalhando, não adianta ficar sofrendo por uma coisa que não é sua. Lá vai acontecer o que tem de acontecer", comentou.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.