Alessandro Di Marco/EFE
Alessandro Di Marco/EFE

De Ligt faz exames e deve ser apresentado pela Juventus nesta quinta

Zagueiro de apenas 19 anos era um dos mais cobiçados nesta janela de transferências

Redação, Estadão Conteúdo

17 de julho de 2019 | 21h37

O zagueiro holandês Matthijs de Ligt fez exames físicos e médicos nesta quarta-feira na Juventus e deve assinar contrato e ser apresentado oficialmente nesta quinta pela equipe italiana. O jogador de apenas 19 anos era o mais cobiçado nesta janela de transferências na Europa.

O próprio clube italiano compartilhou fotos e vídeos dos exames realizados pelo atleta nesta quarta. Na terça, a Juventus divulgara até o desembarque do defensor de 19 anos em suas mídias sociais. De Ligt deve assinar um acordo de oito milhões de euros (R$ 33,7 milhões) por ano antes de ser apresentado formalmente à imprensa nesta quinta-feira.

O atleta de apenas 19 anos foi capitão do Ajax na ótima campanha que levou o time de Amsterdã a uma semifinal da Liga dos Campeões após mais de duas décadas na última temporada, tendo, inclusive, marcado o gol da classificação contra a própria Juventus nas quartas de final.

Considerado uma das maiores promessas entre os defensores do futebol mundial no momento, De Ligt vai compor a zaga do atual octocampeão italiano ao lado dos veteranos Giorgio Chiellini e Leonardo Bonucci. Para um defensor, jogar na Itália é sempre o ideal", afirmou recentemente o empresário do atleta holandês, Mino Raiola.

De Ligt é mais um reforço de destaque a chegar ao time de Cristiano Ronaldo nesta pré-temporada europeia. Na última segunda-feira, o meia Aaron Ramsey, que estava no Arsenal da Inglaterra, foi apresentado depois de firmar um contrato de quatro anos.

Outras novidades são o também meia Adrien Rabiot, que veio do Paris Saint-Germain no início do mês, além do retorno do goleiro Gianluigi Buffon, que também estava no clube francês, e é ídolo em Turim.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.