Fabio Motta|Estadão
Fabio Motta|Estadão

De olho na vaga olímpica, seleção brasileira sub-20 marca 3 amistosos em setembro

O time comandado pelo técnico Carlos Amadeu enfrentará o México, duas vezes, nos dias 5 e 11, e o Japão, no dia 9

Estadão Conteúdo

22 Agosto 2018 | 15h48

A CBF confirmou nesta quarta-feira os adversários da seleção brasileira sub-20 em três amistosos no mês de setembro. O time comandado pelo técnico Carlos Amadeu enfrentará o México por duas vezes, nos dias 5 e 11, e o Japão, no dia 9. Todos os jogos serão às 12h30 (de Brasília) no CT da seleção mexicana, na Cidade do México.

A seleção brasileira sub-20 se prepara para a disputa do Sul-Americano da categoria, que será realizado em janeiro do ano que vem no Chile. A competição dará duas vagas aos Jogos Olímpicos de Tóquio, no Japão, em 2020. No Rio-2016, o Brasil conquistou a sua inédita medalha de ouro ao bater a Alemanha na disputa por pênaltis, no estádio do Maracanã.

Na última sexta-feira, Carlos Amadeu divulgou a lista de convocados para estes três jogos. Os atletas se apresentam no dia 3 de setembro, já no CT da seleção mexicana, na Cidade do México.

Entre os destaques da convocação estão jogadores que já atuam no exterior. Dos seis atacantes chamados, cinco jogam na Europa - dois na Ucrânia, outros dois na Alemanha e um na Holanda.

Confira a lista de convocados:

Goleiros - Brazão (Cruzeiro), Phelipe (Grêmio) e Vinicius (Criciúma)

Defensores - Bruno Fuchs (Internacional), Carlos (Corinthians), Emerson (Atlético-MG), Luan Candido (Palmeiras), Lucas Halter (Atlético-PR), Vitinho (Brugge-BEL), Vitor Eduardo (Palmeiras) e Walce (São Paulo)

Meio-campistas - Alan (Palmeiras), Augusto (Real Madrid-ESP), Gabriel Vinicius (Palmeiras), Luan (São Paulo), Luan Pereira (Avaí) e Victor Bobsin (Grêmio)

Atacantes - Fernando (Shakhtar Donetsk-UCR), Junior Brumado (Bahia), Marquinhos Cipriano (Shakhtar Donetsk-UCR), Matheus Cunha (RB Leipzig-ALE), Mauro Junior (PSV Eindhoven-HOL) e Paulinho (Bayer Leverkusen-ALE)

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.