Ernesto Rodrigues/Estadão
Ernesto Rodrigues/Estadão

De olho no Mundial, Tite minimiza lesão do capitão do Chelsea

Técnico do Corinthians diz não se preocupar o possível adversário da final no Japão

Raphael Ramos, O Estado de S.Paulo

17 de novembro de 2012 | 09h00

SÃO PAULO - O técnico do Chelsea, Roberto di Matteo, anunciou que o capitão John Terry ficará três semanas fora de combate por causa de uma lesão no joelho direito sofrida no último domingo, no empate por 1 a 1 com o Liverpool pelo Campeonato Inglês. O jogador vai voltar a tempo de defender a equipe no Mundial de Clubes, mas por causa da falta de ritmo de jogo pode perder a sua vaga de titular.  O Chelsea estreia dia 13 de dezembro na competição.

Ao tomar conhecimento do tempo que Terry ficará fora dos gramados e da possibilidade de o Chelsea não contar com o seu capitão 100% fisicamente no Japão, Tite deu de ombros. "Não adianta ficar secando o adversário e torcer para esse ou aquele atleta não jogar. Temos de pensar na gente e trabalhar focados no nosso time. Só assim é que conseguimos bons resultados em campo", justificou.

Tite, inclusive, lamentou o fato de não ter tido força máxima durante todo o período de preparação para o Mundial. Na lista de atletas do Corinthians que ficaram longos períodos entregue ao departamento médico estão Emerson e Danilo, jogadores considerados fundamentais no esquema de Tite. "Confesso que queria ter todos os jogadores o tempo todo para trabalhar".

Jorge Henrique é outro atleta que sofreu neste segundo semestre no departamento médico. Com dores na coxa direita, o atacante não enfrenta o Internacional, domingo, no Beira-Rio.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.