Dé sofre com indefinição no Botafogo

O treinador do Botafogo, Dé, admitiu que sua situação no clube é difícil, por causa dos boatos sobre a contratação de Paulo Autuori para seu lugar. Mesmo assim, acredita que permanecerá no clube. "Enquanto for o técnico, cumprirei todas as minhas obrigações, mas confio na diretoria", afirmou.Dé não quis culpar os jogadores de estarem fazendo uma campanha para a sua saída, como vem sendo comentado no clube. "Até mesmo com os salários atrasados, eles estão se empenhando ao máximo nos treinamentos. Não tenho do que reclamar", disse o treinador.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.