Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

De virada, Criciúma derrota América-RN e segue líder

Muita gente já tinha ido embora do Estádio Heriberto Hulse e nem o mais fiel torcedor do Criciúma acreditaria em uma virada como a desta terça-feira à noite, na vitória do time catarinense sobre o América-RN, por 4 a 3, pela 17ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

AE, Agência Estado

14 de agosto de 2012 | 22h06

Os donos da casa saíram na frente, tomaram a virada e estavam perdendo por 3 a 1 até os 39 minutos do segundo tempo, mas conseguiu marcar três gols em apenas cinco minutos para conquistar a vitória que manteve a equipe na liderança isolada.

Além da manutenção na primeira posição, com 39 pontos, o time catarinense conseguiu manter o excelente aproveitamento jogando dentro de casa: são nove jogos e nove vitórias. O América-RN, por sua vez, segue distante do G4, com 27 pontos.

O JOGO - O Criciúma entrou em campo de forma avassaladora. Logo aos seis minutos, Lucca costurou pelo lado direito e cruzou. O goleiro Thiago cortou parcialmente e Giovanni Augusto aproveitou o rebote e abriu o placar. No entanto, quem cresceu na partida foi o time visitante.

Na base da bola área, o América-RN obrigou o goleiro Michael Alves - entrou no lugar de Douglas, machucado - teve que se virar para segurar o resultado na etapa inicial. As coisas pareciam que ficariam fáceis para os donos da casa, quando o volante Márcio Passos foi expulso antes do final da primeira etapa.

No segundo tempo, a partida foi de um time só. Aproveitando a estagnação do Criciúma, mesmo com um jogador a mais, o América-RN conseguiu o que parecia improvável. Logo na volta dos vestiários, Lúcio carimbou o travessão de cabeça, mas a reação dos visitantes estava nos pés de Pingo.

Endiabrado, o atacante saiu do banco de reservas para marcar três vezes e virar o placar. Primeiro, aos 14 minutos, aproveitando falha do goleiro Michel Alves. Lucca tentou comandar a reação dos mandantes, mas acabou acertando o travessão. O América-RN, porém, conseguiu virar em contra-ataques rápidos, concluídos por Pingo, em duas belas jogadas.

O time da casa parecia morto em campo. Mas, em apenas cinco minutos, alcançou a virada. Depois de jogadas pelo lado direito, Gilmar e Lucca apareceram na pequena área para concluir. No final da partida, aos 46 minutos, Gilmar, novamente, aproveitou rebote pelo lado direito e fez o inacreditável, ao mandar para as redes, garantindo a virada por 4 a 3.

O Criciúma volta a campo para enfrentar o Atlético-PR, sábado, às 16h20, no Gigante do Itiberê, em Paranaguá (PR). Na sexta-feira, o América-RN encara o xará mineiro, no Estádio Independência, em Belo Horizonte, às 21h50.

FICHA TÉCNICA:

CRICIÚMA 4 x 3 AMÉRICA-RN

CRICIÚMA - Douglas Leite (Michel Alves); Robert (Gilmar), Matheus Ferraz, Nirley e Marlon; Diogo Oliveira, Rodrigo Possebom, Kleber e Giovanni Augusto (André Gava); Lucca e Zé Carlos. Técnico: Paulo Comelli.

AMÉRICA-RN - Thiago Schmidt; Norberto, Cléber, Edson Rocha e Wanderson; Michel Schmöler, Fabinho, Márcio Passos, Alan Bahia (Pingo) e Netinho (Nata); Lúcio (Rodrigão). Técnico: Roberto Fernandes.

GOLS - Giovanni Augusto, aos 6 minutos do primeiro tempo. Pingo, aos 14, 28 e aos 32, Gilmar, aos 39 e 46, e Lucca, aos 42 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS Cléber e Fabinho (América-RN).

CARTÕES VERMELHOS - Márcio Passos (América-RN) e Zé Carlos (Criciúma).

ÁRBITRO - Rodrigo Braghetto (SP).

RENDA - R$ 90.785,00.

PÚBLICO - 7.632 pagantes.

LOCAL - Estádio Heriberto Hulse, em Criciúma (SC).

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSérie BCriciúmaAmérica-RN

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.