De virada, Duque derrota Juventude e lidera Série B

O Duque de Caxias já desponta como a grande sensação do Campeonato Brasileiro da Série B. Na noite desta sexta-feira, o caçula da competição venceu o Juventude, por 4 a 2, de virada, no Estádio Giulite Coutinho, em Mesquita, pela segunda rodada.

AE, Agencia Estado

15 de maio de 2009 | 23h28

Com 100% de aproveitamento, o Duque soma seis pontos e se iguala ao Atlético-GO, mas com maior número de gols marcados (6 a 5) e ocupa a primeira colocação. Por outro lado, o Juventude segue sem vencer na competição. Após o empate, por 2 a 2, diante do Ceará, na estreia, o time de Caxias do Sul aparece com somente um ponto, na 12ª colocação.

Nesta sexta, cada time dominou uma etapa. No primeiro tempo, os gaúchos sobraram em campo e poderiam ter goleado, mas fez 2 a 0, o que parecia a primeira vitória. Na segunda etapa, porém, o Duque mostrou poder de reação e marcou quatro gols, virando o jogo e chegando à segunda vitória na Série B.

Aos nove, o Juventude abriu o placar. Mendes ficou com o rebote do goleiro, ajeitou para a perna esquerda e tocou colocado no canto direito. O segundo gol aconteceu aos 24 minutos. Edimar recebeu dentro da área, driblou o marcador e levantou na segunda trave. Mendes ajeitou de cabeça e o atacante Léo Dias completou, também de cabeça, para dentro do gol de Vinicius.

No segundo tempo, o Duque de Caxias dominou todas as ações e conseguiu três gols em 22 minutos. Aos dois, o time carioca diminuiu. Leandro Cruz desceu pelo lado esquerdo e cruzou para dentro da área. A bola quicou e Edivaldo cabeceou quase em cima da linha do gol. Aos sete, Clayton recebeu pelo lado direito, ajeitou de canhota e chutou colocado, sem chances para Gatti. Aos 22, após escanteio, Santiago desviou de cabeça e fez o gol da virada do time carioca.

O Duque ainda ampliou aos 47 minutos. Oziel invadiu a área e foi derrubado por Rogélio: pênalti. Na cobrança, Edivaldo bateu no meio do gol e venceu o goleiro Gatti, fechando a goleada.

Pela terceira rodada, o Duque de Caxias encara o Bragantino, terça-feira, às 21 horas, no Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista. Por outro lado, o Juventude tenta a primeira vitória, diante do ABC, sábado, às 21 horas, no Estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul.

Ficha Técnica:

Duque de Caxias 4 x 2 Juventude

Duque de Caxias - Vinícius; Oziel, Eduardo Teles, Santiago e Paulo Rodrigues; Silva (Léo Oliveira), Thiaguinho, Bruno Moreno (Leandro Cruz), Clayton e Geovani (Juninho); Edivaldo. Técnico: Rodney Gonçalves.

Juventude - Gatti; Cicinho, Da Silva, Rogélio e Mineiro; Walker, Tiago Renz, Lauro (Fábio), Léo Dias (Kito) e Edimar; Mendes (Jandson). Técnico: Gilmar Iser.

Gols - Mendes, aos 9, e Léo Dias, aos 24 minutos do 1.º tempo. Edivaldo, aos 2 e aos 47 (pênalti), Clayton, aos 7, e Santiago, aos 22 minutos do 2.º tempo.

Cartões amarelos - Paulo Rodrigues, Clayton (Duque de Caxias); Mendes e Rogélio (Juventude).

Cartão vermelho - Mineiro (Juventude).

Árbitro - André Luís Martins Dias Lopes (MG).

Renda - R$ 675,00.

Público - 201 pagantes.

Local - Estádio Giulite Coutinho, no Rio de Janeiro (RJ).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.