De virada, Ponte Preta derrota o ASA e se aproxima da Lusa

Campineiros vencem com gol de Lúcio Flávio nos acréscimos e estão a um ponto da líder

AE, Agência Estado

30 de agosto de 2011 | 22h45

ARAPIRACA - A Ponte Preta voltou a vencer na Série B do Campeonato Brasileiro após três empates seguidos. Nesta terça-feira, o time de Campinas venceu o ASA, de virada, por 2 a 1, no Estádio Coaracy da Mata Fonseca, em Arapiraca. Foi a primeira derrota dos alagoanos jogando em casa.

Com o resultado, a Ponte se manteve na segunda colocação da tabela, agora com 38 pontos, apenas um a menos que a Portuguesa - empatou com o Náutico por 0 a 0. O ASA, por sua vez, fica com 27 pontos, em 12.º lugar.

O ASA começou melhor e foi com tudo para cima da Ponte buscando abrir o placar. Com mais movimentação no campo de ataque, os alagoanos fizeram o gol aos 17 minutos. Didira fez boa jogada e lançou para Reinaldo Alagoano, que cruzou na pequena área para Alexsandro completar para o fundo das redes.

A Ponte voltou melhor para o segundo tempo e mostrou maior força ofensiva. Pressionando, conseguiu marcar aos 23 minutos. Após cobrança de falta na área, Ricardo Jesus, bem posicionado, testou para o fundo das redes. Foi o seu 13.º gol, artilheiro isolado da competição.

O gol acordou o ASA, que foi para cima e, aos 30 minutos, teve a chance de fazer o segundo. Alexsandro foi derrubado por Leandro Silva dentro da área. Raul bateu o pênalti, mas Júlio Cesar fez a defesa ao espalmar para o meio da área. No rebote, o próprio Alexsandro isolou o chute por cima do gol, perdendo uma chance incrível.

Após desperdiçar a grande oportunidade, o ASA sofreu o castigo aos 46 minutos. Depois de cruzamento rasteiro de Josimar, Lúcio Flávio completou para o fundo das redes e decretou a vitória dos visitantes.

A Ponte Preta volta aos gramados na próxima sexta-feira, quando enfrenta o Vila Nova, às 20h30, em Araraquara. O ASA entra em campo no sábado contra o Americana, no interior de São Paulo, às 16h20.

FICHA TÉCNICA:

ASA 1 X 2 PONTE PRETA

ASA - Gilson; Sérgio Bueno (Niel), Toninho, Thiago Alves e Chiquinho Baiano; Émerson, Cal, Didira (Marielson) e Raul (Vitinha); Alexsandro e Reinaldo Alagoano. Técnico: Viça.

Ponte Preta - Júlio César; Guilherme, Leandro Silva, Ferrón (Wescley) e Uendel; Josimar, Mancuso, João Paulo Silva e Renato Cajá (Lúcio Flávio); Renatinho e Ricardo Jesus (Ricardinho). Técnico: Gilson Kleina.

Gols - Alexsandro, aos 18 minutos do primeiro tempo. Ricardo Jesus, aos 22, e Lúcio Flávio, aos 46 minutos do segundo tempo.

Cartões amarelos - Ferron, Emerson, Leandro Silva, Mancuso, Cal e Guilherme.

Árbitro - Diego Pombo Lopes (BA).

Renda - R$ 44.930,00.

Público - 4.259 pagantes.

Local - Estádio Coaracy da Mata Fonseca, em Arapiraca (AL).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.