Vitória/Divulgação
Vitória/Divulgação

De volta ao Brasileirão, clássico Ba-Vi termina em 0 a 0

Resultado da partida disputada na Fonte Nova tirou o Vitória do G-4 e deu uma posição na tabela ao Bahia

HELIANA FRAZÃO, Agência Estado

21 de julho de 2013 | 18h40

SALVADOR - Depois de 10 anos, o clássico Bahia e Vitória voltou a se realizar em um certame da elite do futebol nacional, valendo pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro. A partida, eletrizante, contudo não passou do decepcionante placar de 0 a 0, na tarde deste domingo, na Arena Fonte Nova, em Salvador.

O Vitória entrou em campo brigando mais do que pelo triunfo sobre o adversário, mas também para buscar a liderança na competição. Para tanto a torcida compareceu em peso, visando empurrar o time rubro-negro. O Bahia tentava subir um pouco mais na tabela de classificação. Com o resultado, entretanto, o time rubro-negro caiu para o quinto lugar, com 14 pontos, deixando o G-4 da competição, enquanto o Bahia subiu um degrau e está na sexta colocação, com 13 pontos.

O Vitória acabou sendo ultrapassado pelo Internacional, que também neste domingo derrotou o Flamengo por 1 a 0, no Estádio Centenário, em Caxias do Sul.

Foi um jogo bastante equilibrado, movimentado e vibrante, com todos os ingredientes de um clássico, com o Bahia se mostrando um pouco mais rápido, tocando mais, e, consequentemente, chegando mais perto do gol que o Vitória, a exemplo da jogada aos 24 minutos do segundo tempo, quando Fernandão recebeu lançamento na grande área e chutou em cima de Wilson, mas o goleiro salvou o gol.

O Bahia parecia crescer frente a sua torcida, na segunda etapa do jogo, ainda mais entusiasmada. Mas tanto Wilson, quanto Marcelo Lomba fizeram grandes defesas para evitar que o placar de 0 a 0 fosse modificado.

O placar destoou do resultado dos clássicos anteriores entre os dois times. Nas finais do Campeonato Baiano, em maio, o Vitória levou a melhor, dando uma goleada de 7 a 3 no duelo de ida, na partida inaugural da nova Arena Fonte Nova. Já no segundo jogo da decisão, empatou por 1 a 1 e conquistou o título estadual.

FICHA TÉCNICA

VITÓRIA 0 x 0 BAHIA

VITÓRIA - Wilson, Nino Paraíba (Daniel Borges), Victor Ramos, Gabriel Paulista e Danilo Tarracha; Michel, Cáceres (Vander), Renato Cajá (Camacho) e Escudero; Maxi Biancucchi e Dinei Técnico: Caio Júnior.

BAHIA - Marcelo Lomba, Madson, Titi, Lucas Fonseca e Raul, Feijão, Helder, Rafael Miranda e Anderson Talisca (Freddy Adu); Wallyson e Fernandão. Técnico: Cristovão Borges.

ÁRBITRO: Paulo Cesar Oliveira (SP).

CARTÕES AMARELOS: Helder, Lucas Fonseca e Feijão.

PÚBLICA: 30.477 espectadores.

RENDA: não disponível.

LOCAL: Arena Fonte Nova, em Salvador (BA).

Tudo o que sabemos sobre:
BRASILEIRÃOVITÓRIA X BAHIA

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.