Vitor Silva / SS Press / Botafogo
Vitor Silva / SS Press / Botafogo

De volta ao Engenhão, Botafogo faz 3 a 1 no Macaé e vence a 1ª no Carioca

Pedro Raul, Luis Henrique e Bruno Nazário marcaram para equipe alvinegra, e Matheus Babi descontou já no final

Carlos Costa, especial para a AE, Estadão Conteúdo

26 de janeiro de 2020 | 21h30

A volta ao Engenhão fez bem ao Botafogo. No primeiro jogo em sua casa nesta edição do Campeonato Carioca, a equipe reencontrou o caminho dos triunfos e venceu pela primeira vez em três rodadas na Taça Guanabara. Os autores dos gols contra o Macaé foram Pedro Raul, Pedro Henrique e Bruno Nazário, que garantiram o 3 a 1 na partida que marcou o retorno do técnico Alberto Valentim ao clube do Rio.

Com o resultado, o Botafogo agora soma três pontos e sobe para a terceira posição do Grupo A, a um ponto do Boavista e a quatro do líder Flamengo. Já o Macaé fica na lanterna do Grupo B, com apenas um ponto.

A vitória botafoguense foi construída logo no começo do confronto deste domingo. Aos quatro minutos de jogo, Luiz Fernando cruzou para o meio da área e Pedro Raul pegou de primeira para fazer 1 a 0 e consagrar o ataque alvinegro.

No decorrer do primeiro tempo, a equipe da casa seguiu comandando as ações. No fim da etapa inicial, porém, o Macaé quase empatou, mas Benevenuto afastou chute de Maranhão, que já tinha superado o goleiro Gatito Fernández.

Antes do intervalo, o arqueiro voltaria a ser exigido e foi fundamental para o Botafogo: Matheus Babi recebeu cruzamento e cabeceou forte em cima de Gatito, que salvou. Sorte da equipe alvinegra, que segurou a vantagem antes do segundo tempo.

Na etapa complementar, o Botafogo seguiu com o ritmo lento e o jogo ficou mais monótono, com poucas chances de parte a parte até os 20 minutos. Entretanto, os donos da casa aproveitaram para ampliar quando a oportunidade chegou. Aos 23, Pedro Raul deu um lindo passe para o Luis Henrique, que driblou o goleiro adversário e tocou para a rede um pouco antes de chegar à linha de fundo, fazendo bonito gol.

Nove minutos depois de marcar o segundo, Luis Henrique deu assistência para o terceiro, anotado por Bruno Nazário. O meia dominou e fuzilou com firmeza para fazer 3 a 0.

Antes do apito final, o Macaé ainda descontaria: aos 43, Babi aproveitou bobeada de Luis Henrique e chutou de fora da área, contando com desvio em Joel Carli para fazer o gol de honra visitante. Nada que estragasse a festa botafoguense.


FICHA TÉCNICA:

BOTAFOGO 3 x 1 MACAÉ

BOTAFOGO - Gatito Fernández; Fernando, Marcelo Benevenuto, Joel Carli e Guilherme Santos; Cícero (Alex Santana) e Thiaguinho; Bruno Nazário (Leandrinho) e Luiz Fernando (Rhuan); Pedro Raul e Luis Henrique. Técnico: Alberto Valentim.

MACAÉ - Jonathan; Dudu, Vladimir, Júnior Santos e Paulo Vitor; Julinho (Wellington Júnior) e Jackson Kássio (Lukinha); Vico e Maranhão (Kaique); Zambi e Matheus Babi. Técnico: Mário Júnior.

GOLS - Pedro Raul, aos 4 minutos do primeiro tempo. Luis Henrique, aos 23, e Bruno Nazário, aos 33, e Matheus Babi, aos 43 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Luiz Fernando e Bruno Nazário (Botafogo).

ÁRBITRO - Mauricio Machado Coelho Junior (RJ).

RENDA - R$ 77.031,00.

PÚBLICO - 4.303 pagantes (5.310 no total).

LOCAL - Estádio Engenhão, no Rio de Janeiro (RJ).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.