Fábio Motta/Estadão
Fábio Motta/Estadão

De volta ao Flu, Conca quer render ainda mais do que em 2011

Meia afirma que está mais maduro e experiente depois de dois anos na China

Agência Estado

08 de janeiro de 2014 | 19h41

RIO - Melhor jogador do Campeonato Brasileiro de 2011, quando levou o Fluminense ao título, Conca está de volta às Laranjeiras. E na sua apresentação oficial, nesta quarta-feira, o meia argentino afirmou que está mais maduro depois de dois anos e meio jogando pelo Guanghzou Evergrande, time chinês que foi campeão asiático na última temporada.

"Passaram-se dois anos de meio, ganhei experiência e espero estar melhor do que em 2011 para ajudar o Fluminense, que é o mais importante. Quero poder cumprir com todas as obrigações pelo bem do Fluminense", comentou o jogador, apresentado nesta tarde no auditório do Maracanã.

"A volta do Conca é algo que nos enche de orgulho, confiança e certeza de que 2014 será um ano de disputa por títulos" afirmou o presidente do clube, Peter Siemsen, que apresentou o jogador ao lado do vice de futebol, Ricardo Tenório.

O argentino também comemorou voltar para as Laranjeiras. "Ter uma história no futebol brasileiro, vestindo a camisa do Fluminense, é motivo de orgulho, pois o clube tem o respeito de todo o mundo. O mais importante é se dedicar. Não importa quantos jogos, números, mas a responsabilidade é o mais importante", comentou.

Conca ainda exaltou a recepção da torcida tricolor, que tem no argentino um ídolo. "Fico muito feliz por tudo que o torcedor sempre fez por mim e para a minha família. É muito importante tudo que o Fluminense e sua torcida fizeram. É difícil explicar. Também tenho um carinho grande por eles (torcedores), por tudo que sempre demonstraram."

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.