Gustavo Simão/Fortaleza
Gustavo Simão/Fortaleza

De volta ao Fortaleza, Ceni reencontra Cruzeiro em duelo contra rebaixamento

Clube cearense ocupa a 14ª colocação, com 31 pontos, enquanto o Cruzeiro abre a zona de rebaixamento, no 17º lugar, com 28

Redação, Estadão Conteúdo

26 de outubro de 2019 | 14h12

Rogério Ceni e Cruzeiro vão se reencontrar neste sábado, às 21 horas, no estádio do Mineirão, em Belo Horizonte (MG). O confronto entre Fortaleza e os mineiros, válido pela 28ª rodada, será direto contra o rebaixamento no Campeonato Brasileiro.

O clube cearense ocupa a 14ª colocação, com 31 pontos, enquanto o Cruzeiro abre a zona de rebaixamento, no 17º lugar, com 28. Rogério Ceni, apesar de ter chegado como salvador da pátria no clube mineiro após a saída de Mano Menezes, não deixou saudade por lá. Mas ele encara este jogo como outro qualquer adversário na competição, mesmo porque o jogo tem o mesmo valor dos três pontos.

"Enfrentar o Cruzeiro é como enfrentar qualquer outro grande time de Série A. Qualquer jogo é sempre motivo de orgulho e isso é muito especial. Todos os jogos são especiais, vencer o Grêmio foi especial. Cada vitória tem que ser muito comemorada na Série A. Para mim todos os jogos são importantes", comentou Ceni, evitando criar polêmicas.

Foram apenas 46 dias no comando do Cruzeiro - contratado em 11 de agosto - com duas vitórias, dois empates e quatro derrotas. Trata-se de um aproveitamento de apenas 33,3%. Levando em conta a contratação, salários e multa rescisória, o técnico custou mais de R$ 3,5 milhões ao time de Belo Horizonte.

Se na Toca da Raposa o ex-goleiro não deixou maior saudade, em Fortaleza ele é ídolo. Agora se prepara para realizar sua 101ª partida à frente dos cearenses. São 54 vitórias, 18 empates e 28 derrotas, além de 142 gols a favor e 89 sofridos - aproveitamento de 60%. Pelo Fortaleza, ele foi campeão estadual, da Copa do Nordeste e da Série B.

Para o jogo do reencontro, o comandante terá as voltas do zagueiro Jackson e do atacante Romarinho, ambos recuperados de lesão. No mais, poderá repetir a escalação da rodada passada, na importante vitória sobre o Grêmio por 2 a 1.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.