Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90
Alex Silva/Estadão
Alex Silva/Estadão

De volta ao time titular do Palmeiras, Felipe Melo comemora recuperação

Volante havia sofrido uma fratura no tornozelo esquerdo contra o Vasco, no dia 8 de novembro

Redação, Estadão Conteúdo

26 de janeiro de 2021 | 22h44

De volta ao time titular do Palmeiras, o volante Felipe Melo comemorou nesta terça-feira sua boa recuperação física. O retorno do experiente jogador aconteceu no empate com o Vasco, por 1 a 1, no Allianz Parque, em jogo adiado da primeira rodada do Brasileirão.

Curiosamente, Felipe Melo havia sofrido uma fratura no tornozelo esquerdo justamente na partida contra o time carioca, já pelo segundo turno do Brasileirão, no dia 8 de novembro. Totalmente recuperado, o volante voltou a campo no domingo, quando entrou no segundo tempo da partida contra o Ceará.

"Se estou em campo é porque estou bem. Contra o Corinthians nós conversamos antes, o apoio emocional para a equipe, devido a liderança que exerço juntamente com os outros perante ao grupo. No jogo passado me senti bem para atuar uns 20, 30 minutos. Hoje bem melhor. A tendência é ir melhorando, graças a Deus", comentou.

Contra o Corinthians, no dia 18 deste mês, o volante chegou a ser relacionado, mas não deixou o banco de reservas.

Retornando gradualmente, Felipe Melo garantiu estar renovado para a sequência de duelos decisivos do Palmeiras, que fará a decisão da Copa Libertadores no sábado, no Maracanã, em jogo único. Ainda sem data confirmada, o time paulista também vai jogar a final da Copa do Brasil, contra o Grêmio.

"Sou um cara que quero ganhar, estou acostumado a competir. Não importa se fiquei dois meses parado ou não. Se eu estou em campo é porque posso e tenho de dar bem melhor", declarou.

Tudo o que sabemos sobre:
PalmeirasfutebolFelipe Melo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.