De volta, Léo diz que aceita improvisação no Cruzeiro

De volta ao Cruzeiro após cumprir suspensão automática contra o Vasco, Léo retorna ao time no jogo contra o São Paulo, domingo, no Estádio do Morumbi, pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro. Como Ceará é dúvida para o duelo, ele pode ser improvisado mais uma vez na lateral direita. E ele não se opõe caso essa seja a intenção do técnico Celso Roth.

AE, Agência Estado

19 de setembro de 2012 | 15h50

"Eu sempre me coloco à disposição. Se o Celso Roth quiser me utilizar na lateral ou como zagueiro, para mim não tem problema. Sendo zagueiro ou lateral eu vou procurar fazer o meu melhor, para que a gente possa buscar um bom resultado em São Paulo", disse.

Léo prometeu que o Cruzeiro vai lutar pela vitória diante do São Paulo, mesmo atuando fora de casa. "É um momento que a gente precisa da vitória. Ficar quatro jogos sem vencer é ruim, mas a equipe, em si, apresenta bons sinais para a gente poder sair com a vitória. Nós estamos criando várias oportunidades nas partidas e isso dá uma esperança maior, para que no próximo jogo a gente possa sair com os três pontos", afirmou.

O zagueiro cruzeirense ressaltou a necessidade do elenco se unir para superar o péssimo momento no Campeonato Brasileiro. "Temos que nos unir cada vez mais e pensar que todos os jogos são decisivos para a gente conseguir a vitória, que acaba aumentando a confiança e a força do grupo", comentou.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBrasileirãoCruzeiroLéo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.