Mowa Press/Divulgação
Mowa Press/Divulgação

De volta, Luis Fabiano espera continuidade na seleção

Surpresa entre os convocados para Superclássico das Américas, atacante não se imagina na Copa 2014

Vítor Marques, O Estado de S. Paulo

17 de setembro de 2012 | 14h34

GOIANIA - Sem ser convocado para a seleção brasileira desde a Copa do Mundo de 2010, Luis Fabiano foi uma das novidades da lista do técnico Mano Menezes para o Superclássico das Américas. Motivado para os jogos contra a Argentina, o atacante do São Paulo quer aproveitar a nova oportunidade para não deixar mais a equipe.

"Sinceramente, a vontade é ficar. Hoje em dia, tem muitos jogadores convocados, vim aqui para desfrutar desse bom momento", afirmou. "Meu tempo está acabando, não sou mais garoto, vou tentar fazer meu melhor, aproveitar a boa oportunidade Na minha cabeça, gostaria de ficar", completou.

Com 31 anos, Luís Fabiano foi o jogador mais experiente a ser convocado por Mano Menezes para o Superclássico das Américas. O atacante disse que evita projetar a sua participação na próxima Copa do Mundo, mas acredita que pode ser lembrado pelo treinador se estiver bem condicionado fisicamente em 2014.

"Não me imagino na Copa, porque ainda tem muita coisa, alguns amistosos. Acredito que se estiver 100% em 2014, posso ser um dos que podem aparecer nessa lista final", afirmou.

Para manter suas esperanças de ser convocado para a próxima Copa do Mundo, Luis Fabiano lembrou que o técnico Dunga causou certa surpresa em 2010 ao chamar o atacante Grafite. "Tem muito tempo para a Copa, muita coisa vai acontecer, muitas surpresas. Na ultima Copa, vimos uma surpresa de ultima hora, o Grafite, que não vinha sendo convocado", disse.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.