Decepção dominou o vestiário do Flu

A perda do título da Copa do Brasil para o Paulista frustrou os jogadores do Fluminense, que, decepcionados, deixaram o campo sob aplausos da torcida, após um empate sem gols em São Januário. Cabisbaixos, os tricolores lamentaram a vantagem construída pelo clube paulista no primeiro jogo da final, em Jundiaí, quando foram derrotados por 2 a 0, e o número de oportunidades desperdiçadas. ?Ficou a lição, mas a torcida sabe que não faltou disposição. Infelizmente não deu, ficou um sentimento de impotência?, declarou o goleiro Kléber, emocionado com o apoio dos torcedores. ?Temos que recompensá-los com o título do Campeonato Brasileiro e, conseqüentemente, uma vaga na Taça Libertadores?, disse. O técnico Abel Braga, assim que terminou o jogo, deu um abraço em seu colega Vágner Mancini, do Paulista, e depois seguiu para o vestiário sem dar declarações.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.