Decisivo, Danilo vê Corinthians 'merecedor' de título

O meia Danilo, novo capitão do Corinthians, ergueu a taça da Recopa Sul-Americana nesta quarta-feira, justo contra seu ex-time, o São Paulo, e comprovou mais uma vez que é um jogador decisivo. Este foi o quinto título dele no clube. Antes, havia ganho o Campeonato Brasileiro (2011), a Libertadores e o Mundial (2012), além do Paulistão (2013).

VÍTOR MARQUES, Agência Estado

18 de julho de 2013 | 02h40

Danilo virou capitão porque Alessandro agora é reserva da equipe. Como o meia é um dos mais experientes e respeitados dentro elenco, Tite deu a ele a cobiçada faixa. "Estão todos de parabéns. O São Paulo foi um adversário de qualidade, mas fomos melhores nos dois jogos e merecemos vencer", disse.

Para Danilo, que está no Corinthians desde 2010, quando voltou ao País depois de atuar no futebol japonês, a conquista da Recopa representa muito ao clube e a ele próprio.

"Foi importantíssimo esse título. É o fim de um ciclo."

Danilo marcou o segundo gol do Corinthians na vitória por 2 a 0 sobre o São Paulo. Ele escorou um cruzamento de Fábio Santos e quase marcou de cabeça. Rogério defendeu, e no rebote marcou o gol.

A vitória e a atuação também coroaram a recuperação que ele e outros jogadores que estavam machucados tiveram. Danilo, Emerson e Renato Augusto, que se contundiram no primeiro jogo da final, estiveram e campo nesta quarta.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolRecopaCorinthiansDanilo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.