Divulgação
Divulgação

Dedé promete retribuir carinhos dos cruzeirenses

BELO HORIZONTE - O Cruzeiro armou um evento inusitado para apresentar o zagueiro Dedé. O jogador usou pela primeira vez a camisa celeste num supermercado, onde passeou entre as gôndolas e simulou compras, tudo para exaltar o programa de sócio-torcedor do clube, que permitiu a compra do zagueiro junto ao Vasco.

Agência Estado

19 de abril de 2013 | 18h45

O defensor concedeu entrevista coletiva e prometeu retribuir o carinho dos torcedores, que demonstraram, nas redes sociais e na chegada dele ao aeroporto, grande empolgação com a contratação. "Quero agradecer aos sócios-torcedores, que ajudaram bastante o clube a ter a possibilidade de me contratar e também agradecer aos torcedores que me recepcionaram no aeroporto ontem (quinta). Nunca passei por isso, é muito emocionante. Agora é tentar mostrar meu futebol da melhor maneira possível, vestir essa camisa e tentar honrá-la como ela merece", observou Dedé.

O zagueiro foi exaltado pelo diretor de futebol do Cruzeiro, Alexandre Mattos, durante sua apresentação. "O Dedé é sinal de vitória. Não é um simples zagueiro. Ele é uma liderança, um jogador que só vem para acrescentar, para repensar um elenco como esse que o Cruzeiro procurou formar neste ano."

Dedé se disse emocionado pelo momento vivido na carreira. "Tudo que passou na minha vida é para botar em um livro. Nunca pensei que aconteceria. É para se emocionar, quando deito, entro no chuveiro. Fico arrepiado de tudo que se passou na minha vida, no que está acontecendo hoje. É um momento muito feliz, muito agradável para mim, toda minha família e meus amigos."

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCruzeiroDedéBrasileirão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.