Mauricio de Souza/Estadão
Mauricio de Souza/Estadão

Definição sobre futuro de Aranha no Santos é adiada para o dia 30

Juiz da 2ª Vara de Trabalho nega liminar e diz que espera um acordo entre jogador e clube, mas goleiro garante que não fica no Santos

GONÇALO JUNIOR, O Estado de S. Paulo

21 de janeiro de 2015 | 18h04

Atualizado às 19h15

A definição sobre o futuro do goleiro Aranha no Santos foi adiada para o dia 30. Na audiência da 2ª Vara do Trabalho de Santos, realizada na tarde desta quarta-feira, o juiz Samuel Angeline Morgero negou a liminar para o goleiro, argumentou que a janela de transferências ainda está aberta e espera que o jogador e o clube entrem em um acordo. Segundo Aranha, a possibilidade de ficar no Santos não existe.

"Está claro para todo mundo, sem ser fantasioso, que o Santos tinha a vontade, talvez a necessidade, de contratar outro goleiro. Por tudo que aconteceu comigo, achei que eu teria que tomar a decisão, procurar a minha liberdade e escolher onde trabalhar, onde realmente querem meu trabalho. Minha vida estava tumultuada, precisava tomar uma decisão. Falaram de Jefferson, Ochoa. Entendi que meu tempo no Santos havia se esgotado e deixei de ser importante", declarou o goleiro após a audiência. 

Durante a audiência, o advogado Cristiano Caus, do Santos, propôs a liberação do goleiro (de graça) para outro clube e uma negociação do valor da indenização - Aranha tem contrato até o final do ano. A proposta foi negada pelo arqueiro, representado pelo advogado Caio Marcelo Serrat. Em seguida, Caus propôs a liberação imediata de Aranha e que seu novo clube pague R$ 1 milhão ao Santos. O goleiro também negou. Com a falta de acordo, uma nova audiência foi marcada para o final do mês.

Até o momento, o lateral Mena foi o único que conseguiu a liminar para rescindir seu contrato com o Santos. Arouca e Leandro Damião, outros jogadores que reivindicam a rescisão contratual por causa do atraso nos salários, tiveram seus pedidos de liminar recusados e terão de aguardar audiência. A de Arouca está prevista para o dia 30 deste janeiro (mesma data de Aranha) e Leandro Damião terá de aguardar até o dia 30 de março.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSantos FCAranha

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.