Deivid diz que não é a hora de sair

Deivid tinha uma boa proposta do Atlético de Madrid, mas preferiu ficar no Santos. "Falei que agora eu não podia, que preferia ficar no Santos até junho, e que depois a gente poderia voltar a conversar. Eles entenderam numa boa", contou o atacante. Ele também garantiu que não chegou a assinar qualquer tipo de pré-contrato com o Atlético de Madrid. "Até porque eles precisam acertar antes com o Bordeaux", explicou Deivid, referindo-se ao clube francês com o qual tem vínculo contratual e que o emprestou ao Santos.Deivid revelou que preferiu ficar na Vila Belmiro porque quer muito conquistar o título da Libertadores, um dos poucos que ainda lhe faltam no currículo. Ele acha que tem uma dívida de gratidão com o clube que o revelou e que não gostaria de sair com fama de "mercenário". "Estou numa fase iluminada e a prova disso é o reconhecimento que estou tendo com essa proposta do Atlético de Madrid. Mas sei que preciso trabalhar bastante para me manter nesse nível."

Agencia Estado,

02 de fevereiro de 2005 | 20h14

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.