Del Bosque convoca Espanha e descarta Torres e Puyol

O técnico Vicente del Bosque anunciou nesta sexta-feira a convocação de 22 jogadores para os confrontos que a Espanha fará contra Finlândia, em casa, no próximo dia 22, e contra França, em Paris, quatro dias depois, pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2014. E o treinador acabou deixando fora desta lista de convocados o atacante Fernando Torres, do Chelsea, e o zagueiro Carles Puyol, do Barcelona.

AE, Agência Estado

15 de março de 2013 | 10h08

Os dois jogadores foram muito importantes em outras ocasiões para a Espanha, como por exemplo Torres na última Eurocopa, conquistada pelo país no ano passado. Porém, desta vez Del Bosque deixou claro que não vê o atacante no melhor de suas condições, assim como achou melhor não levar Puyol, que vem sofrendo por causa de seguidas lesões - na última terça-feira ele ficou na reserva do Barça em confronto decisivo com o Milan, pela Liga dos Campeões, e só entrou em campo no fim do jogo.

"Eu entrei em contato com Puyol e ele anda com lesões e não está totalmente seguro. Preferimos não trazê-lo porque não está no seu melhor possível. Já Torres tem sido regular recentemente, mas não o vejo como estando em 100% de suas condições e é por isso que não o trouxe também", justificou, admitindo também que o atacante vem mostrando certa "inconsistência que provoca um sentimento de insegurança" em relação a ele.

O comandante apresentou como principais novidades nesta convocação o goleiro David de Gea, do Manchester United, e o meio-campista Javi García, do Manchester City. O primeiro deles acabou ganhando uma chance entre os atletas chamados por Del Bosque também por causa da ausência de Casillas, que se recupera de lesão, mas deverá ficar como terceira opção para a posição, para a qual também foram convocados Victor Valdés, do Barcelona, e Pepe Reina, do Liverpool.

Já Javi García não era convocado desde junho do ano passado, quando figurou na lista prévia de jogadores chamados para disputar a Eurocopa, antes de ser cortado da convocação final para a competição continental.

Confira os 22 convocados da seleção espanhola:

Goleiros: Victor Valdés (Barcelona), Pepe Reina (Liverpool) e David de Gea (Manchester United).

Defensores: Sergio Ramos (Real Madrid), Álvaro Arbeloa (Real Madrid), Raúl Albiol (Real Madrid), Gerard Piqué (Barcelona), Jordi Alba (Barcelona), César Azpilicueta

(Chelsea) e Ignacio Monreal (Arsenal).

Meio-campistas: Xabi Alonso (Real Madrid), Xavi Hernández (Barcelona), Andrés Iniesta (Barcelona), Sergio Busquets (Barcelona), Cesc Fábregas (Barcelona), Santi Cazorla (Arsenal), Javi García (Manchester City), Jesús Navas (Sevilla) e Francisco Alarcón (Málaga).

Atacantes: David Silva (Manchester City), Pedro Rodríguez (Barcelona), David Villa (Barcelona), Juan Manuel Mata (Chelsea) e Álvaro Negredo (Sevilla).

Tudo o que sabemos sobre:
futebolEspanhaFernando TorresPuyol

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.