Del Nero assume a presidência da FPF

Começa oficialmente nesta quarta-feira a era Marco Polo Del Nero no futebol de São Paulo. O novo presidente da Federação Paulista de Futebol assumiu hoje, depois da reunião da diretoria. O primeiro objetivo é aumentar o Campeonato Paulista de 11 datas - como foi este ano - para 19 em 2004. O vice-presidente Reynaldo Carneiro Bastos estará amanhã na sede da CBF para negociar o novo Paulistão."Vamos mostrar ao presidente Ricardo Teixeira e ao secretário-geral Marco Antônio Teixeira que o futebol paulista necessita de um período mais longo. Temos os argumentos necessários", disse Marco Polo Del Nero nesta terça-feira.Se conseguir as 19 datas pretendidas, entre janeiro e abril, Del Nero acredita que poderá vender os direitos de transmissão por uma soma de, no mínimo, R$ 25 milhões para a tevê aberta. Em 2003, o Paulistão foi negociado por R$ 12 milhões."Vamos continuar ajudando os clubes. Agora faremos uma agenda para reuniões regionais onde analisaremos os problemas dos clubes e das demais divisões", explicou o novo presidente.Del Nero pretende cumprir a promessa do antigo presidente, Eduardo José Farah, criando sub-sedes no Interior. O dirigente reconhece que é difícil substituir a liderança de Farah. Para isso, ele vai se dedicar praticamente em tempo integral à organização do futebol paulista. O filho do presidente, Marco Polo Del Nero Filho, é quem cuidará do seu escritório de advocacia. "Estou orgulhoso, mas reconheço que o trabalho é pesado", disse o substituto de Farah.A FPF não tem problemas financeiros. Farah deixou R$ 25 milhões em caixa.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.