Demichelis se decepciona com Ballack após sofrer lesão

O zagueiro argentino Martín Demichelis, do Bayern de Munique, afirmou estar desapontado com o meia Michael Ballack depois de sofrer múltiplas fraturas faciais causadas por um choque com o capitão da seleção alemã em amistoso disputado neste mês, em Munique, onde a Argentina superou a Alemanha por 1 a 0.

AE-AP, Agencia Estado

17 de março de 2010 | 13h35

Ballack fraturou vários ossos do rosto de Demichelis quando acertou o adversário com o joelho em um choque acidental. Apesar de não ter sido atingido de forma proposital, Demichelis se mostrou indignado com o fato de o meio-campista não ter o procurado para saber sobre sua saúde ou para desejar uma rápida recuperação depois de ter atuado ao lado do jogador alemão por três temporadas no Bayern de Munique. Ballack hoje defende o Chelsea, da Inglaterra.

"Ele (Ballack) é um grande jogador, mas como ser humano não há nada que eu possa dizer sobre ele", afirmou Demichelis nesta quarta-feira em uma entrevista coletiva. "Estou decepcionado. Jogamos juntos durante três anos no Bayern de Munique. Ao menos ele podia ter me enviado uma saudação."

Demichelis ressaltou que, depois de sofrer a lesão, chegou a temer pelo risco de ficar fora da próxima Copa do Mundo, mas agora tem certeza de que irá se recuperar a tempo de disputar a competição que começa no dia 11 de junho.

O jogador argentino começou a correr de forma leve nesta semana e tem planos de treinar com o restante da equipe do Bayern de Munique na semana que vem, com o rosto protegido por uma máscara especial. Ainda não há uma data prevista para o retorno do atleta aos gramados.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.