Alex Silva|Estadão
Alex Silva|Estadão

Denis: 'Meu trabalho no São Paulo é bom, não tive culpa'

Goleiro viu Audax fazer quatro gols no Tricolor

Vítor Marques, O Estado de S. Paulo

18 de abril de 2016 | 07h00

Após a goleada sofrida para o Audax, Denis prometeu que não vai se abalar com críticas. Neste domingo, um pequeno grupo de torcedores do São Paulo xingou o goleiro, que sofreu quatro gols na partida que eliminou o time do Campeonato Paulista (4 a 1). "Na emoção o torcedor xinga mesmo, é normal no futebol. Em nenhum momento eu pensei em responder", afirmou o goleiro, que virou titular após a aposentadoria do ídolo Rogério Ceni.

"Sei da responsabilidade que tenho. A verdade é que não fizemos uma boa partida. E quando o time sofre gols, o goleiro fica exposto. É preciso ter paciência nesse momento." Denis não teve culpa direta nos gols do Audax.  No primeiro tempo, ele ainda fez boas defesas e até evitou um placar maior para a equipe de Fernando Diniz. "Tenho autocritica. Meu trabalho está bom, eu não tive culpa nos gols."

O goleiro afirmou que o São Paulo precisa esquecer a eliminação nas quartas de final e só pensar na Libertadores. O time faz uma decisão na quinta-feira em La Paz contra o The Strongest. "Precisamos jogar na Bolívia como jogamos na semana passada (contra o River Plate). Vamos trabalhar para fazer um grande jogo pela Libertadores", afirmou. 

Para avançar às oitavas de final da Libertadores, o São Paulo precisa ao menos empatar contra o The Strongest.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.