José Patrício/AE
José Patrício/AE

Dentinho é suspenso por 3 jogos e desfalca Corinthians

Jogador é punido por dar uma cotovelada em Rafael Moura, do Atlético-PR, e não enfrentará o Fluminense

AE, Agência Estado

15 de maio de 2009 | 18h26

O Corinthians não terá o atacante Dentinho na segunda partida das quartas de final da Copa do Brasil, na próxima quarta-feira, contra o Fluminense, no Maracanã. O autor do gol da vitória do primeiro duelo entre os dois clubes foi julgado e suspenso por três partidas pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD).

 

Veja também:

linkDeclarações de Ronaldo causam mal-estar na CBF

linkCorinthians empresta Acosta para o Náutico

especialVisite o canal especial do Brasileirão

especialJogue o Desafio dos Craques

lista Brasileirão - Calendário

especialDê seu palpite no Bolão Vip do Limão

Dentinho foi denunciado por prova de vídeo, após denúncia do Atlético Paranaense. De acordo com o clube, o jogador corintiano deu uma cotovelada no atacante Rafael Moura em partida disputa na Arena da Baixada, no dia 29 de abril, pelas oitavas de final da Copa do Brasil.

A Procuradoria do STJD denunciou Dentinho no artigo 253 (praticar agressão física) do Código Brasileiro de Justiça Desportiva, que prevê suspensão de 120 a 540 dias. A denúncia, porém, foi desclassificada para o artigo 254 (prática de jogada violenta) e Dentinho recebeu gancho de três jogos.

Na jogada, o atacante corintiano não foi expulso pelo árbitro Nielson Nogueira Dias. Com isso, Dentinho também ficará fora das semifinais da Copa do Brasil, caso a equipe do Parque São Jorge elimine o Fluminense.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.