Denunciado, Seedorf pode ser suspenso por até 12 jogos

A expulsão de Seedorf na vitória do Botafogo por 2 a 1 sobre o Madureira pode custar muito mais ao holandês do que a simples suspensão do clássico com o Vasco, marcado para a próxima quarta-feira, no Estádio Raulino de Oliveira. O Tribunal de Justiça Desportiva do Rio (TJD-RJ) denunciou o holandês por ter desobedecido ordens do árbitro Philip Bennett e ele pode levar um gancho de 12 jogos.

AE, Agência Estado

28 de março de 2013 | 12h53

O camisa 10 botafoguense vai responder ao TJD-RJ por "conduta antidesportiva" e "ofensa", num julgamento ainda sem data definida. De acordo com o procurador-geral do TJD, André Valentim, Seedorf está enquadrado nos artigos 258, sob acusação de "assumir qualquer conduta contrária à ética desportiva", com pena prevista de seis jogos e no 243, que prevê o pagamento de multa de R$ 100 a R$ 100 mil, além de pena mínima de quatro jogos, podendo chegar a seis.

Seedorf foi advertido com cartão amarelo por não atender as ordens do árbitro para sair por um lado do campo numa substituição e depois foi novamente advertido e expulso. No súmula, Philip Bennett relatou que o holandês disse: "Saio por onde eu quiser".

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.