Koen van Weel /AFP
Koen van Weel /AFP

Depay brilha e Holanda goleia na estreia das Eliminatórias da Euro

Atacante do Lyon marca duas vezes no triunfo por 4 a 0 nesta quinta-feira, em Roterdã

Redação, Estadão Conteúdo

21 de março de 2019 | 18h52

A Holanda não teve qualquer dificuldade para impor seu favoritismo diante da Bielo-Rússia e estrear com vitória nas Eliminatórias para a Eurocopa de 2020, nesta quinta-feira. Em Roterdã, a renovada seleção contou com o apoio da torcida e o dia inspirado de Memphis Depay para fazer 4 a 0 no adversário.

Com o resultado, os holandeses largam na ponta do Grupo C, ao lado da Irlanda do Norte, que derrotou a Estônia por 2 a 0. Outra integrante da chave, a Alemanha folgou nesta primeira rodada e será justamente a adversária da Holanda no domingo, em Amsterdã. No mesmo dia, a Bielo-Rússia visita os norte-irlandeses.

O triunfo desta quinta deu sequência ao bom momento vivido pela Holanda. Desde que viveu a decepção de ficar de fora da última Copa do Mundo, a equipe cresceu, com uma geração bastante jovem. Nas últimas 20 partidas, são apenas três derrotas. Neste período, a seleção bateu adversários como Suécia, Portugal, Alemanha e França.

Com este embalo, os holandeses não demoraram para sair na frente nesta quinta. Logo no primeiro minuto de jogo, Memphis Depay aproveitou trapalhada de Shitov na tentativa de recuo, chegou antes do goleiro e ainda o driblou antes de tocar para a rede.

A vantagem deu a tranquilidade necessária para os donos da casa, que chegaram ao segundo gol ainda na primeira etapa. Aos 20 minutos, Depay recebeu cruzamento da direita e mostrou muita categoria para dominar e ajeitar para Wijnaldum, que só teve o trabalho de deslocar Gorbunov.

A Holanda diminuiu o ritmo, administrou a liderança, mas ainda chegou ao terceiro gol no início da etapa final. Aos nove minutos, Wijnaldum foi atropelado na área e o árbitro assinalou pênalti. Depay foi para a cobrança e marcou o seu segundo. O atacante ainda participou do quarto gol, ao cruzar na cabeça de Van Dijk, que selou o resultado.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.