Depois de hospital, Zico diz que está em plena forma

O técnico da seleção japonesa, Zico, disse nesta terça-feira que está plenamente recuperado das dores do estômago que o obrigaram a passar no hospital a madrugada de domingo para segunda-feira. Ele foi internado com sintomas de gastroenterite, provocada por cansaço e estresse."Pude comprovar a grande qualidade da medicina japonesa, as dores sumiram num instante", disse o ex-jogador do Flamengo e da seleção brasileira, que, ao contrário do que previa a Federação Japonesa de Futebol, participou nesta terça-feira da coletiva de imprensa que apresentou a Copa Kirin.O tradicional torneio amistoso japonês, que já teve muitos times brasileiros como vencedores, contará neste ano com a participação de Bulgária e Escócia. O Japão pega os búlgaros no dia 9 de maio, em Osaka, e os escoceses no dia 13, em Saitama. Os europeus, que não irão à Copa, se enfrentam no dia 11, em Kobe.Os amistosos servirão para Zico terminar de definir os 23 jogadores que defenderão a seleção japonesa na Copa do Mundo. Ele não se importou com o fato de enfrentar duas seleções que não se classificaram para o Mundial. "São equipes de qualidade, que enfrentaremos como se fossem nossos rivais na Alemanha", declarou.Zico disse que ainda não sabe se contará com os jogadores que atuam no futebol europeu e estarão no encerramento da temporada. "Eles precisam descansar, mas vou ver se eles estarão com vontade de jogar", explicou.O Japão estréia no dia 12 pelo Grupo F da Copa, contra a Austrália, em Kaiserslautern. No dia 23, enfrenta o Brasil, em Dortmund.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.