Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Depois de ida ao Brasil, Jônatas treina sozinho no Espanyol

O meio-campista Jônatas voltou nesta quarta-feira ao Espanyol após oito dias de ausência, por causa de uma viagem ao Brasil, e treinou separado do grupo por decisão do técnico, Ernesto Valverde. O jogador apareceu no estádio Olímpico de Montjuic e seguiu direto para o vestiário, onde falou com Valverde, e saiu para o campo 15 minutos depois dos companheiros para treinar sob o comando do preparador físico Ramón Catalã. Jônatas e Valverde conversaram no fim do treino e o técnico disse que o jogador deveria se reunir com o diretor esportivo, Paco Herrera, para esclarecer sua situação. Ele avisou que o meia treinará separadamente nos próximos dias. No fim do treino, Jônatas procurou Herrera, mas o diretor esportivo não estava. Depois, tentou falar com o diretor-geral-executivo, Pedro Tomás, mas foi novamente encaminhado para Herrera. Espera-se, então, que a reunião seja feita na quinta. O técnico classificou a atitude do jogador, que deixou o clube na véspera de um jogo para vir ao Brasil, como "um ato de indisciplina". "Além disso, foi uma falta de solidariedade com o grupo, o que é mais grave", disse o técnico. "É uma situação desagradável e grave porque estamos jogando muito para perder um jogador", afirmou Valverde, que acrescentou que Jônatas deve falar com o clube e que, por enquanto, treinará sozinho. "Mais uma vez daremos todos os meios para que ele recupere a forma. Treinará uma semana ou dez dias sozinho e depois voltará para a equipe", concluiu.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.