Depois de Lúcio, seleção perde Kaká e Pato, contundidos

Kaká, com lesão no joelho, e Pato, com entorse no tornozelo esquerdo, são cortados

03 de fevereiro de 2008 | 22h34

Alessandro Bianchi/Reuters Pato e Kaká comemoram o gol da vitória do Milan; dupla não será vista em ação no amistoso da seleção diante da Irlanda, nesta quarta-feira, em DublinRIO - Depois de Lúcio, chegou a vez da seleção brasileira perder dois importantes jogadores para o amistoso diante da seleção da Irlanda, em Dublin, nesta quarta-feira: o meio-campista Kaká e o centroavante Alexandre Pato; ambos do Milan. Veja também: Lúcio é cortado da seleção por contusão; Naldo é chamado Pato faz o gol da vitória do Milan, mas sai de campo lesionadoDe acordo com informe oficial da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Kaká sofreu uma pancada no joelho esquerdo durante a vitória do Milan por 1 a 0 diante da Fiorentina, neste domingo, pelo Campeonato Italiano, e foi vetado pelo departamento médico do clube de Milão.Já Pato, que marcou o gol da vitória milanesa, sofreu uma entorse no tornozelo esquerdo ao disputar a bola com seu marcador, ao final da partida. O jogador saiu - carregado - do gramado com muitas dores no local. "O tornozelo dele inchou muito e ele não vai para a seleção brasileira", adiantou o técnico do Milan, Carlo Ancelotti.Agora, o técnico da seleção, Dunga, deverá anunciar os substitutos na manhã desta segunda-feira. Antes, o zagueiro Lúcio, do Bayern de Munique, havia sido cortado e, para o seu lugar, Naldo foi chamado.Pato ainda é a grande esperança de Dunga para consertar o ataque da seleção. O jogador deveria fazer a dupla de ataque com Luís Fabiano, no amistoso. De qualquer forma, Alexandre Pato continua sendo o pivô da equipe olímpica para os Jogos de Pequim, em setembro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.