Jonne Roriz/AE
Jonne Roriz/AE

Depois do carnaval, Ronaldo volta a treinar com bola

O jogador, que reclamou demais do calor, treinou durante apenas 45 minutos de jogo em campo reduzido

Vìtor Marques, Agencia Estado

15 de fevereiro de 2010 | 19h29

O atacante Ronaldo fez nesta segunda-feira à tarde, no Parque São Jorge, o seu primeiro treino com bola no Corinthians desde quando sofreu uma lesão muscular na coxa esquerda, que sofreu no dia 27 de janeiro contra o Mirassol, no Pacaembu.

Veja também:

linkMogi Mirim mantém ingressos contra Corinthians a R$ 60

PAULISTÃO - lista RESULTADOS / tabelaCLASSIFICAÇÃO

O jogador, que reclamou demais do calor, treinou com bola durante apenas 45 minutos de jogo em campo reduzido. Foi um treino tático, com nove jogadores em campo reduzido. Ainda assim, levantou a torcida, presente em bom número na Fazendinha, quando fez um gol.

Os jogadores já comemoram a volta de Ronaldo. Tcheco é um deles. Disse que pelo que conversou com Fenômeno, ele está bem e pronto para jogar. Sua missão agora é acertar o pé nos passes para deixar o artilheiro na cara do gol.

"Se a bola não chegar nele é porque nós do meio de campo não estamos bem", afirmou Tcheco, que admitiu até certa dificuldade em jogar ao lado de Ronaldo. "Ele é acima da média, não estava habituado a jogar com um cara como ele, que se posiciona muito bem e pensa mais rápido do que nós", ressaltou.

TIME 

Mano Menezes definirá nesta terça-feira o time que enfrenta o Mogi-Mirim, quarta-feira, fora de casa, pelo Paulistão. Ele dará entrevista coletiva pela manhã no Parque São Jorge e na parte da tarde fará um treino fechado em Jaguariúna. Depois, o time já ficará concentrado para a partida.

Jogadores que se recuperaram de contusão podem ser relacionados para o jogo, casos de Chicão, Dentinho e Defederico, que treinaram normalmente nesta segunda-feira. O zagueiro William, suspenso, é o desfalque. "Se eu puder jogar, vou dar o meu melhor. Quero estar na lista da Libertadores", afirmou o zagueiro Leandro Castán, que estreou contra a Portuguesa, no último sábado.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.