Depois do fiasco, Júnior acerta com o Fla

Depois do fiasco que foi a sua breve passagem pelo Corinthians, apenas dois jogos como técnico, o ex-jogador Júnior aceitou a proposta do Flamengo, de saldar uma dívida de R$ 750 mil em 30 parcelas, e vai ser o diretor-técnico do clube a partir de janeiro, quando o novo presidente do Flamengo, Márcio Braga, tomará posse. Júnior já conversou nesta quinta-feira mesmo com o futuro vice-presidente de Futebol, Paulo Dantas, sobre a situação de alguns atletas e a possibilidade de reforços para a temporada.Outra atribuição de Júnior é indicar o técnico do Flamengo para 2004. A preferência por Dunga, já admitida, não surtiu efeito, uma vez que o ex-jogador do Internacional firmou acordo com um clube do Japão. Agora, o Flamengo deve investir em Mário Sérgio, hoje no Atlético-PR.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.