Derrota atrapalha plano de Caio Júnior no Botafogo

A derrota para o Internacional, em Porto Alegre, atrapalhou os planos do Botafogo de se aproximar dos líderes do Campeonato Brasileiro (28 pontos contra 37 do líder Corinthians). Mas o técnico Caio Júnior ainda vê a equipe em condições de atingir uma meta estabelecida para o primeiro turno.

AE, Agência Estado

18 de agosto de 2011 | 18h51

"A gente vem trabalhando de quatro em quatro jogos, com objetivos bem definidos de pontuação. Nossa ideia é terminar o primeiro turno com um porcentual de 60% (de aproveitamento)", disse o treinador, que não terá Herrera para o jogo contra o Atlético Mineiro, neste sábado, no Engenhão.

Para cumprir a meta, além de derrotar os atleticanos, será preciso superar o Fluminense, no clássico carioca do próximo dia 27. Tarefa nada fácil, mas Caio Júnior mantém a confiança no grupo, apesar da queda contra os colorados.

Se Herrera não participa do jogo deste final de semana, a boa notícia é a volta de Elkeson, que cumpriu gancho na última rodada. O uruguaio Loco Abreu segue afastado por lesão e Alex permanece no time.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBotafogoCampeonato Brasileiro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.