Cesar Greco/Palmeiras
Cesar Greco/Palmeiras

Derrota no clássico 'serve de amadurecimento' para final da Libertadores, diz Zé Rafael

A dez dias da decisão continental, time alviverde foi dominado e perdeu por 2 a 0 para o São Paulo em casa

Ricardo Magatti, O Estado de S.Paulo

17 de novembro de 2021 | 23h00

O duro revés sofrido para o São Paulo por 2 a 0 no clássico desta quarta-feira pode ser usado pelo Palmeiras como lição para a final da Libertadores. A opinião é do meio-campista Zé Rafael, que atuou poucos minutos no Allianz Parque. A dez dias da decisão contra o Flamengo em Montevidéu, no Uruguai, o time de Abel Ferreira jogou com reservas e foi dominado pelo rival tricolor. 

"Serve de amadurecimento até para a final, vamos encontrar dificuldades", observou Zé Rafael na saída do gramado. O meio-campista, considerado titular, entrou no fim da partida, quando o Palmeiras já perdia por 2 a 0. 

"Temos de buscar sempre coisas positivas. Não adianta ficar só com a derrota e a parte negativa. Tem de amadurecer, seguir em frente, porque temos uma grande final pela frente", refletiu o atleta.

Com reservas, o time alviverde sofreu com o desentrosamento e foi protagonista de uma de suas piores exibições na temporada. A equipe teve dificuldade para criar e deixou muitos espaços para o rival contra-atacar. Alguns atletas erraram mais do que o normal, como Patrick de Paula, que deixou Luciano à vontade para fechar o placar, e poucos se salvaram.  

"A gente não teve um bom primeiro tempo, não conseguiu criar da maneira que estava fazendo e acabou sofrendo", admitiu Zé Rafael. "Temos jogos importantes ainda até a final e vamos tentar nos preparar da melhor forma para esse dia", completou.

O meio-campista se refere às duas próximas partidas do Brasileirão contra Fortaleza, no Castelão, sábado, e o líder Atlético-MG, terça-feira da próxima semana, no Allianz Parque. A final da Libertadores está marcada para o dia 27, sábado, no estádio Centenário.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.