Derrubando tabus, Uruguai e Gana carimbam passagem para as quartas

Uruguaios batem a Coreia do Sul com gol no fim do 2º tempo e ganenses superam EUA na prorrogação

Eric Akita, do Estadão.com.br

26 de junho de 2010 | 18h33

O atacante ganense Asamoah Gyan comemora o gol sobre os EUA na prorrogação

SÃO PAULO - Uruguai e Gana não derrubaram apenas seus adversários em campo neste sábado, 26, na primeira rodada da fase de oitavas-de-final da Copa do Mundo da África do Sul. Com a classificação garantida, estas seleções superaram tabus que assombravam seus países e até os continentes que representam no Mundial.

Veja também:

mais imagens GALERIA - Imagens de Uruguai 2 x 1 Coreia do Sul

mais imagens GALERIA - Imagens de Estados Unidos 1 x 2 Gana 

especial CRONOLOGIA: Copa, dia a dia

tabela TABELA - Jogos | Classificação | Simulador

Em Port Elizabeth, o Uruguai derrotou a Coreia do Sul por 2 a 1 para voltar a figurar em quartas de final da Copa do Mundo depois de 40 anos. O atacante Suárez marcou os dois gols da Celeste e foi o destaque da primeira partida da fase de oitavas de final do Mundial.

 

E, na prorrogação, Gana venceu os Estados Unidos por 2 a 1, igualando o feito das seleções de Senegal (2002) e Camarões (1990), detentoras das melhores campanhas africanas em Copas ao alcançarem a fase de quartas-de-final. O atacante Gyan Asamoah marcou o gol da vitória nos ganeses aos 2 minutos do primeiro tempo da prorrogação.

 

Uruguai e Gana voltam a campo no dia 2 de julho para protagonizarem um dos confrontos da fase de quartas-de-final da competição. O jogo será disputado no estádio Ellis Park, em Johannesburgo, às 15h30 (horário de Brasília).

 

PERSONAGEM DO DIA: Gyan. Em lance que ilustra o característico vigor físico do futebol africano, o atacante Gyan Asamoah ganhou na trombada do zagueiro norte-americano Bocanegra e chutou com violência na saída do goleiro Howard para anotar o gol da vitória de Gana sobre os EUA no primeiro tempo da prorrogação.

 

CRAQUE DO DIA: Suárez. Autor dos dois gols da vitória de 2 a 1 sobre a Coreia do Sul, o atacante Suárez, que atua pelo Ajax (Holanda) mostrou que o Uruguai pode ir longe na Copa sem depender no ataque exclusivamente do experiente Forlán.

 

PERNA DE PAU DO DIA: Jung Sung-Ryong. Logo no início da partida, o goleiro sul-coreano falhou no lance que resultou no primeiro gol do Uruguai, que visivelmente abateu seus companheiros em campo. O atacante Forlán cruzou despretensiosamente para a pequena área e Sung-Ryong hesitou no corte, permitindo que a bola chegasse nos pés de Suárez, que empurrou para as redes.

 

SELEÇÃO BRASILEIRA. Sem a presença de quem enfrentou Portugal no dia anterior, a seleção brasileira fez um treino leve neste sábado no campo da escola Saint Stithians, em Johannesburgo. O trabalho serviu como um teste para o meia Elano, que se recupera de uma pancada na perna direita. E ele mostrou que ainda sente incômodo no local, o que o mantém como dúvida para enfrentar o Chile, nesta segunda-feira.

 

JABULANI. A Fifa enfim reconheceu que existe algum problema com a Jabulani, a bola da Copa do Mundo que foi muito criticada por jogadores de diversas seleções. Depois da Copa do Mundo, a entidade máxima do futebol mundial se reunirá com seleções, técnicos e jogadores para discutir os problemas da Jabulani. Também revelou que irá se encontrar com a Adidas, fabricante da bola.

 

CACAU. O centroavante brasileiro naturalizado alemão Cacau está fora da partida contra a Inglaterra, neste domingo, em Bloemfontein, pelas oitavas de final. Ele sofreu uma lesão muscular na região abdominal no treinamento desta sexta-feira e não terá tempo suficiente de recuperação até a partida contra os ingleses.

 

 

 

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.