Giuseppe Cacace/AFP
Giuseppe Cacace/AFP

Desapontado, técnico resume eliminação da Suíça: 'Não fomos bons o suficiente'

Vladimir Petkovic lamenta queda para a Suécia por 1 a 0 nas oitavas de final

Estadão Conteúdo

03 Julho 2018 | 14h50

O técnico Vladimir Petkovic lamentou a "dolorosa" eliminação da Suíça na Copa do Mundo, após derrota por 1 a 0 para a Suécia, nesta terça-feira, em São Petersburgo. O treinador bósnio acredita que os suíços jogaram menos do que poderiam e admitiu que o revés nas oitavas de final do torneio foi merecido.

+ Mesmo sem brilho, Suécia passa pela Suíça e vai às quartas após 24 anos

+ Melhor em campo, Forsberg se emociona com classificação da Suécia às quartas

"Estamos dolorosamente desapontados, o time inteiro está. Deveríamos ter feito mais, mas estávamos abaixo do nosso nível e não fomos bons o suficiente. Queríamos fazer mais", analisou o treinador em entrevista coletiva dada logo após o fim do jogo. Petkovic elogiou a Suécia, que avançou para disputar as quartas de final do torneio.

"Parabenizamos a seleção sueca por ter feito precisamente o que ela é boa, o suficiente para nos bater. Depois de abrirem o placar, eles se fecharam e foi muito difícil infiltrar. Faltou algo para a gente, mas a Suécia dificultou as partidas contra todas as seleções que enfrentou no Mundial", afirmou o treinador.

 

Petkovic entende que não faltou disposição para a seleção suíça e crê que a equipe comandada por ele até subiu de produção na reta final do jogo, quando passou a atacar com mais homens dentro da área da Suécia. "Nos últimos 15 minutos tentamos jogar com mais coração e melhoramos, eu acho. Mas, no final, não foi o suficiente", comentou.

A Suíça se despediu da Copa do Mundo com apenas uma vitória conquistada, na segunda rodada do Grupo E. De virada, a seleção bateu a Sérvia por 2 a 1, no dia 22, em Kaliningrado, em resultado fundamental para os suíços somarem cinco pontos ao fim da chave e chegarem às oitavas de final.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.