Descansado, São Paulo promete "voar" contra o Palmeiras

O time do São Paulo está pronto para ?voar? em campo. Pode atacar o Palmeiras desde o início, é o que diz a avaliação dos membros da Comissão Técnica, eufóricos com o descanso de uma semana que os sete titulares poupados contra o Fortaleza tiveram.E estar bem fisicamente é muito importante para o estilo de jogo cultivado por Muricy Ramalho. ?O descanso foi bom. Todos estão em forma e isso ajuda muito. O São Paulo gosta de atacar desde o início do jogo, gosta de atrapalhar a saída de bola dos adversários. Se não estiver bom, não consegue fazer isso.?O fisiologista Turíbio Leite de Barros aponta o meia Danilo como o maior beneficiário pela decisão. ?Ele havia participado de todos os jogos e estava perdendo ritmo. Agora, tem condição de jogar 100% como é preciso na posição dele.?Além do descanso, Turíbio aponta a quebra de rotina como algo bom que foi conseguido com a folga. ?É treino, viagem e jogo. Treino, viagem e jogo, isso é muito desgastante. O pessoal pôde passar o domingo com a família, almoçar em casa, serve até para terminar com algum estresse psicológico que o time tivesse.?Wellington Walker, analista de desempenho, cita Josué como outro jogador que ganhou muito com a folga. ?Ele se movimenta muito e perde sempre mais de dois quilos por partida. Agora teve tempo para recuperar isso. Vai recuperar sua capacidade motora - velocidade na tomada de bola - e cognitiva - capacidade de raciocínio", disse.Esta foi a última parada do São Paulo antes de 4 de junho, quando o Campeonato Brasileiro será paralisado em virtude da Copa do Mundo. ?Depois, vamos fazer uma preparação boa, com 15 dias de folga e outros 15 de trabalho. Só então vamos ficar 100% para o resto do ano?, diz Turíbio.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.