Hassan Ammar/AP
Hassan Ammar/AP

Desempregado, Maradona ajuda time da quinta divisão

O ídolo nacional vai tentar contribuir na parte motivacional do elenco do Deportivo Riestra, mas sem um vínculo formal

AE, Agência Estado

15 de agosto de 2013 | 16h09

BUENOS AIRES - Sem clube para treinar, Diego Maradona se dispôs a ajudar o pequeno Deportivo Riestra, que disputa a quinta divisão do futebol argentino. O ídolo nacional vai tentar contribuir na parte motivacional do elenco, sem um vínculo formal com a comissão técnica.

Ainda não está claro como será a atuação de Maradona. Ele não tomará decisões técnicas ou táticas, ainda que o técnico do time, Patricio Hernández, seja um amigo de longa data. O ex-jogador vai acompanhar treinos e até partidas com o objetivo de "animar" o elenco, segundo informou o jornal argentino La Nación.

Maradona se aproximou do pequeno clube por causa do seu advogado Víctor Stinfale, que tem relações comerciais com o Riestra. O ídolo teria se empolgado ao conhecer o time e se dispôs a ajudar, até com dicas, após assistir vídeos dos rivais, enquanto não acertar com nenhum clube.

Ele interrompeu de forma provisória sua incipiente carreira de treinador após ser demitido do Al Wasl, de Dubai. Antes havia treinado a seleção da Argentina, sem sucesso na Copa do Mundo de 2010, na África do Sul.

Tudo o que sabemos sobre:
FutinterfutebolMaradona

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.