Vítor Silva/ Botafogo F.R.
Vítor Silva/ Botafogo F.R.

Desesperado, Botafogo tenta acabar com série de derrotas em visita ao Santos

Equipe de General Severiano venceu apenas um dos últimos 16 jogos

Redação, Estadão Conteúdo

17 de janeiro de 2021 | 14h05

Sob o lema de que "enquanto tiver chance, seguirá lutando", o Botafogo visita o Santos, às 16 horas, na Vila Belmiro, tentando sobreviver na dura batalha contra o rebaixamento. A missão é pôr fim à série de três derrotas seguidas no Brasileirão.

Com um pé na Série B pela terceira vez na história, o Botafogo não joga a toalha e ainda fala em manutenção na elite. Para isso, precisará de uma arrancada de campeão nas nove últimas rodadas. Em 29 jogos disputados até agora, o time acumulou apenas 23. Precisaria de uma arrancada de campeão.

O técnico Eduardo Barroca fará mudanças na escalação para tentar surpreender os santistas. Após cumprirem suspensão diante do Vasco, o zagueiro Marcelo Benevenuto, o volante Caio Alexandre e o atacante Matheus Babi voltam ao time titular.

No meio, mais mudanças. Bruno Nazário se curou da covid-19 e será o armador e há a dúvida sobre o terceiro atacante: Lecaros ou Kelvin disputam a vaga ao lado de Babi e Pedro Ken.

Barroca vem realizando diversas trocas no setor ofensivo e não consegue ajustá-lo. São três derrotas seguidas e nenhum gol marcado. Necessitando de vitórias para sonhar com fuga da queda, o time precisa desencantar na frente.

Matheus Babi e Pedro Raul antes eram concorrentes no setor. Jogava um ou outro. Desta vez, serão parceiros para o Botafogo seguir vivo na busca de um "milagre" no Brasileirão.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.