Desespero do Marília é arma do Avaí

A necessidade de vitória do Marília poderá se transformar no trunfo do Avaí. O sucesso avaiano, defendido pelo técnico Roberto Cavalo para o decorrer da partida desta sexta-feira, às 20h30, em Marília (SP), válida pela quarta rodada do quadrangular semifinal do Campeonato Brasileiro da Série B, está fundamentado no desespero da equipe paulista. "Eles precisam da vitória para ficar vivos na competição. Esperamos saber tirar proveito disso", analisa Cavalo.O Avaí, que somou seis pontos em três jogos, metade deles obtidos sobre o Marília, atua sem o meia-atacante Joelson, que se recupera de uma contusão no joelho. Marquinhos e Paulista estão entre os que ocuparão sua vaga na equipe. Se o Marília entrar em campo com três atacantes, Marquinhos, que tem a marcação como sua principal característica será o escolhido.Caso o adversário saia com dois, Paulista entra no setor, conforme tese defendida por Roberto Cavalo. A vitória simples classifica, por antecipação, o time catarinense para o quadrangular final, desde que haja um empate ou vitória do Bahia sobre o Náutico, em Recife (PE).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.