Desfalcado, Chelsea tenta milagre na Liga

O Chelsea precisa ganhar do Monaco por três gols de diferença em Londres, nesta quarta-feira, para ir à final da Liga dos Campeões da Europa. Para complicar, entrará em campo desfalcado dos franceses Desailly e Makelele, ambos suspensos. ?Acho que o Monaco está com um pé na final, mas vamos lutar para tentar reverter a situação?, disse o técnico do time inglês, Claudio Ranieri. Sua dúvida está no meio-de-campo, entre Joe Cole e o argentino Verón.A boa temporada do time ? está em segundo lugar no Campeonato Inglês ? não garante o emprego de Ranieri. São fortes os rumores de que ele será demitido pelo bilionário russo Roman Abramovich, dono do clube. E ele parece ter convicção de que não ficará no cargo nem que leve o Chelsea ao título europeu. ?Sei que o meu destino já está selado.?O Monaco, apesar da boa vantagem, promete não se encolher. O técnico Didier Deschamps diz que seu time tentará fazer valer a força do seu ataque, que já marcou 25 gols na competição. ?É claro que será importante nos defendermos bem, mas não vamos abrir mão das coisas que fazemos bem. Se fizermos um gol, nossa situação ficará ainda melhor.?

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.