Destino de Edmundo pode ser o Vasco

O Vasco pode ser o destino do atacante Edmundo. Ele já teve um encontro com o presidente do clube, Eurico Miranda, dando início à negociação. Mas antes, o dirigente terá que resolver a questão da ação trabalhista que o atleta move na Justiça contra o Vasco. Edmundo alega que tem cerca de R$ 14 milhões a receber. ?Existe um carinho entre o Edmundo e o Eurico que estava abalado nos últimos anos. Este encontro é o primeiro passo de uma reconciliação", afirmou Luis Roberto Levenciano, advogado do jogador. ?Pode haver um parcelamento no pagamento da dívida. Mas tem que ser feito com o amparo da Justiça." De acordo com Levenciano, o Vasco poderia utilizar garantias bancárias ou notas promissórias abalizadas por um empresário para garantir que Edmundo vá receber em dia. Edmundo sempre declarou que gostaria de voltar a atuar no clube que o revelou e onde conquistou diversos títulos, como o Campeonato Brasileiro de 1997, em que marcou 29 gols, superando o recorde do atacante Reinaldo, do Atlético-MG. O técnico do Vasco, Antônio Lopes, que trabalhou com Edmundo no próprio time de São Januário, é a favor da contratação. ?Ele está interessado em retornar ao clube que o revelou. Mas tudo depende do presidente", disse o treinador, que conversou por telefone com o atleta. Edmundo também tem proposta do Flamengo e do Fluminense, além de um interesse do Cruzeiro. De acordo com Levenciano, o jogador vai optar pelo time que tiver melhor condições de pagar pelo futebol do atacante. ?Tem que ser um contrato bom para o atleta e que o clube seja capaz de cumprí-lo."

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.