Detido por problemas mentais, Paul Gascoigne deixa hospital

Ex-jogador de futebol inglês sofre com problemas de álcool e depressão e já havia sido preso em fevereiro

EFE,

02 de junho de 2008 | 14h17

O ex-jogador inglês Paul Gascoigne, internado por problemas mentais no fim de semana, teve alta do hospital nesta segunda-feira.Um porta-voz da Polícia de Hertfordshire (ING) confirmou que Gascoigne não está mais sob cuidados médicos. Domingo, o ex-jogador protagonizou um incidente e, no momento da prisão, apresentava "mau aspecto" e estava "em estado de agitação".O suposto incidente teria como protagonista sua ex-mulher Sheryl, que não deixou que ele entrasse em sua casa. De acordo com a versão de uma fonte que estava no local, Gascoigne foi ao carro de um morador das redondezas e mandou que ele fosse para uma loja de bebidas alcoólicas.A testemunha disse ao tablóide "The Sun" que ambos voltaram ao local minutos depois, mas que o morador se negou a dar álcool ao ex-jogador, que ficava "cada vez mais desesperado e irritado".Gascoigne, que sofre há muito tempo de problemas com álcool e depressão, também foi detido com base na mesma lei em fevereiro, em um hotel de luxo em Newcastle.À época, o ex-jogador dos ingleses Tottenham Hotspur e Newcastle United ficou no hospital por mais de 15 dias antes de ter alta.

Tudo o que sabemos sobre:
Paul GascoigneInglaterraHospital

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.