Ivan Storti / Santos FC
Ivan Storti / Santos FC

Diante do Goiás, Santos quer acabar com série de empates no Brasileirão

Time alvinegro busca se aproximar dos líderes do Campeonato, mas terá que lidar com desfalques

Redação, O Estado de S. Paulo

03 de outubro de 2020 | 22h00

São nove jogos de invencibilidade, mas uma incômoda distância para o líder Atlético-MG de sete pontos. O Santos quer acabar com a série de três empates no Brasileirão, às 18h15 diante do Goiás, em Goiânia, para subir na tabela e chegar embalado no clássico.

O Santos tinha tudo para estar disputando a liderança do Brasileirão neste domingo. Mas os três empates seguidos, sendo dois em casa e um no qual dominou o Botafogo do começo ao fim, fizeram o time desperdiçar pontos preciosos. Poderia estar somente um atrás dos mineiros.

Não vacilar atrás e ser efetivo na frente será necessário para o time não perder o embalo antes de encarar o Corinthians, na Neo Química Arena, na quarta-feira.

O técnico Cuca avisou antes do jogo com o Olimpia que "usaria todo o elenco" após a classificação na Libertadores. Não queria "estourar" peças importantes, mas não teve tempo hábil. O meia Carlos Sánchez rompeu os ligamentos do joelho no melhor jogo dele na retomada do futebol, após a paralisação causada pela pandemia, e passará por cirurgia. O atacante Raniel apresentou quadro de trombose e teve que ser internado em um hospital.

Para evitar mais perdas, Cuca deve dar descanso a alguns titulares em Goiânia. O zagueiro Lucas Veríssimo, que está nos planos do Porto, por exemplo, é desfalque certo. Recuperando-se de edema na panturrilha esquerda, ele não viajou para Goiânia, onde os demais companheiros estão desde sexta-feira, em escala direta vinda do Paraguai, será preservado para o clássico.

Outros titulares, casos dos laterais Pará e Felipe Jonatan, do atacante Soteldo e o astro Marinho, também podem ganhar um descanso.

Com boas apresentações fora de casa, a ordem é manter o padrão e não deixar os líderes dispararem. Kaio Jorge desencantou na rodada passada e todos apostam que o centroavante pode deslanchar.


FICHA TÉCNICA

GOIÁS: Tadeu; Edilson, Fábio Sanches, David Duarte e Jefferson; Sandro, Breno e Daniel Bessa; Vinícius, Lucão do Break e Keko. Técnico: Enderson Moreira.

SANTOS: João Paulo; Pará, Alex, Luan Peres e Felipe Jonatan; Diego Pituca, Jean Mota (Alison) e Arthur Gomes (Lucas Lourenço); Marinho, Kaio Jorge e Soteldo. Técnico: Cuca.

JUIZ: Marielson Alves Silva.

LOCAL: Hailé Pinheiro.

HORÁRIO: 18h15.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.