Diego Costa marca 2 e dá vitória ao Atlético de Madrid

Convocado por Luiz Felipe Scolari para defender a seleção brasileira nos amistosos contra Itália e Rússia, o atacante Diego Costa, do Atlético de Madrid, marcou duas vezes neste domingo e garantiu a vitória por 2 a 0 sobre o Osasuna, fora de casa, pelo Campeonato Espanhol.

AE, Agência Estado

17 de março de 2013 | 17h28

O resultado, obtido após dois tropeços consecutivos na competição nacional, deixou a equipe da capital espanhola com 60 pontos, na terceira posição, apenas um atrás do vice-líder Real Madrid, que no último sábado goleou o Mallorca por 5 a 2. Já o Osasuna estacionou nos 28 pontos, está na 15.ª posição e segue sob ameaça de rebaixamento.

Apesar da vitória, o dia não foi só de alegrias para Diego Costa. O atacante acabou deixando o jogo antes do fim após se lesionar e também passou a virar motivo de preocupação para Luiz Felipe Scolari, que espera poder testar o atleta nos amistosos da seleção brasileira diante de Itália, na próxima quinta, e Rússia, no dia 25.

Antes de se machucar, Diego Costa abriu o placar para o time madrilenho aos 35 minutos do primeiro tempo. Após desperdiçar grande chance após passe de Koke, ele aproveitou o rebote para balançar as redes. E, já aos 3 minutos da etapa final, o brasileiro voltou a marcar após completar uma nova assistência de Koke, desta vez depois de uma cobrança de falta.

OUTRAS PARTIDAS - Em outros dois jogos já disputados neste domingo, o Espanyol bateu o Málaga por 2 a 0, fora de casa, enquanto o Sevilla goleou o Zaragoza por 4 a 0, em seus domínios.

Este foi o quarto confronto seguido sem vitória do Málaga, que está classificado para as quartas de final da Liga dos Campeões e estacionou nos 44 pontos, na sexta posição do Espanhol. Já o seu rival de Barcelona foi a 35 pontos com a vitória e chegou ao 13.º lugar.

Pouco à frente do Espanyol, o Sevilla agora tem 38 pontos na décima colocação, enquanto o Zaragoza é o 17.º, com 26, apenas dois à frente do Mallorca, que encabeça a zona de rebaixamento.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.