Diego e Robinho roubam a cena na Sub-23

Diego e Robinho foram a atração da seleção Sub-23 nesta quarta-feira na Granja Comary, concentração da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) em Teresópolis, região serrana do Rio. Apesar da chuva contínua e do tempo nublado, alguns torcedores acompanharam à distância, atrás de alambrados, o primeiro treino comandado pelo técnico Ricardo Gomes visando à disputa do Torneio Pré-Olímpico, em janeiro, no Chile. Diego foi o mais assediado por adolescentes e teve de ouvir diversas manifestações das fãs. "Diego, eu te amo! Diego, venha cá, eu vim aqui só pra te abraçar!"O meia evitou se estender sobre uma possível transferência para o exterior, afirmando apenas que gostaria de atuar na Espanha ou Inglaterra. Já Robinho voltou a enfatizar o desejo de jogar no Barcelona. "É meu sonho desde pequeno, tenho fé de que um dia estarei lá", disse Robinho, lembrando que passou a torcer para o clube espanhol quando Ronaldo era o craque do time. Descontraído em meio aos outros colegas da Sub-23 - somente 13 atletas estão em Teresópolis -, Robinho também teve de dar atenção à pequena torcida, que gritava seu nome, e chegou a imaginar um confronto do Barcelona com o Real Madrid, no qual enfrentaria o ídolo Ronaldo.Ricardo Gomes considerou normal a atitude dos dois jogadores do Santos, de falar sobre a possibilidade de atuar na Europa durante o primeiro dia de treinos da seleção para um torneio considerado muito importante pela CBF. O técnico poderá ficar sem o zagueiro Luisão, do Benfica, e o meia Fábio Rochemback, do Sporting, nos treinos de Teresópolis. Os clubes portugueses se enfrentam dia 4 de janeiro e solicitaram à CBF a liberação dos dois somente após o clássico. A entidade ainda não deu a resposta, mas deve concordar.Pela manhã, o grupo realizou apenas trabalho físico. À tarde, houve treino com chutes a gol e cruzamentos sobre a área.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.