Diego Giaretta exalta superação do Botafogo e festeja maior período de descanso

Depois de disputar oito jogos em um período de apenas um mês, o Botafogo enfim poderá curtir um período maior de descanso e consequentemente de preparação para as partidas que terá pela frente na Série B do Campeonato Brasileiro. Após treinar nesta sexta-feira, o elenco alvinegro irá folgar no sábado e no domingo e voltar ao trabalho apenas na segunda, quando começará a visar o duelo da próxima sexta, contra o Sampaio Corrêa, fora de casa, pela 29ª rodada da competição nacional.

Estadão Conteúdo

24 de setembro de 2015 | 12h37

Após o treino desta sexta, o zagueiro Diego Giaretta exaltou a superação apresentada pelo time botafoguense, que é o líder disparado da Série B, com 55 pontos, e festejou o maior período de descanso que a equipe terá entre uma partida e outra nesta reta final da temporada.

"A gente viveu algo além em termos de cansaço e superação nos últimos jogos. Graças a Deus conseguimos encerrar com boas vitórias para que possamos ficar mais tranquilos. O nosso melhor treino agora é o descanso, até para evitar lesões e contusões. Vamos jogar com intervalos de tempos maiores e acredito que estamos numa condição mais tranquila. Ninguém vai esmorecer nesse momento", ressaltou o jogador, em entrevista coletiva.

Giaretta também não esconde o fato de que o Botafogo hoje vive uma condição muito confortável na sua luta pelo acesso à Série A, pois está oito pontos à frente do vice-líder Paysandu e com 11 de vantagem sobre o Santa Cruz, primeiro time hoje fora do G4 da Série B.

"Para nós ainda não acabou, mas sem dúvida é uma situação muito confortável que estamos graças ao trabalho. Era o que nós esperávamos, claro que sem toda essa gordura de agora, mas (o time) está entre os quatro sem correr riscos. Teremos um jogo difícil contra o Sampaio Corrêa e daqui pra frente o foco tem que estar em alcançar logo essa classificação", projetou.

O defensor ainda enfatizou que o Botafogo não pode apenas se contentar com sua volta à elite e destacou a importância que o título da Série B teria para o clube, que viveu a decepção de ser derrotado pelo Vasco na final do último Campeonato Carioca.

"Claro que o mais importante é voltar logo para a elite. Em 2009 nos salvamos (do rebaixamento) na última rodada, foi um alívio total. Quando estamos na zona de classificação nós sabemos que estamos na Série A. Cumprir o nosso objetivo será uma grande satisfação e o título pode vir para coroar. Ficamos chateados por não ter vencido a final do Estadual. Isso nos frustrou um pouco e agora é da mesma forma. Vamos jogar os jogos restantes brigando pelo título. Não sei se ficarei aqui no ano que vem, mas quero ser campeão pelo Botafogo. Isso eu vou levar para sempre", disse.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBotafogoDiego Giaretta

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.