Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Diego joga para impressionar Parreira

O meia Diego, do Santos, teve recepção de ídolo nesta sexta-feira em Fortaleza, onde centenas de torcedores aguardavam o desembarque da delegação. Neste sábado, terá mais uma vez a responsabilidade de armar o ataque santista na partida das 16 horas contra o Fortaleza e tem uma motivação a mais para fazer uma boa partida, já que estará sendo observado por Carlos Alberto Parreira, técnico da seleção brasileira. ?A motivação é muito grande para essa partida, depois que passou a fase de negociação com o Tottenham, e agora é jogar bem para que o Santos vença e continue na liderança do campeonato." Diego procurou ficar afastado das negociações que poderiam ter mudado seu destino. ?Não queria que esse tipo de coisa interferisse dentro de campo e já mostrei duas vezes que isso não aconteceu, jogando bem e com a cabeça voltada apenas para o Santos." Sabe, porém, que a partida deste sábado pode ser especial, já que foi convocado para a seleção brasileira e vai lutar para ser titular. ?Foi muito bom ter sido convocado já para essa primeira partida da fase classificatória." Mesmo com o Fortaleza ocupando a penúltima colocação, Diego respeita o adversário. ?Vai ser uma partida difícil, que merece toda nossa atenção porque deixamos escapar várias vezes a oportunidade de liderar o campeonato e agora que conseguimos, não podemos vacilar." O técnico Emerson Leão também acha que seu time encontrará dificuldades em Fortaleza. ?A responsabilidade de vencer é a mesma nas duas pontas", disse ele, afastando de seus jogadores a idéia de que o Santos é o favorito. ?A liderança leva a um comportamento de favorito, mas sempre aconselho os jogadores a se comportarem como devedores e fazer logo o pagamento, que se faz vencendo as partidas." O Fortaleza nunca ganhou do Santos, mas Leão não acha que isso seja motivo para relaxamento. ?Já perdemos para equipes mal classificadas e vencemos times que estavam muito bem", comentou, acrescentando. ?Por isso, não podemos escolher adversários." Ataque - Leão comandou treinamento nesta sexta-feira em Fortaleza e definiu o time que não terá Robinho, que está suspenso. O treinador manteve o centroavante Marcelo e escalou Fabiano para formar a dupla de atacantes. ?Eles fazem um bom fechamento e têm presença de área", comentou o treinador. Ele espera que um dos quatro centroavantes do clube possa conquistar logo a camisa de titular, pois desde a saída de Ricardo Oliveira ele tem recorrido a constantes mudanças no setor.

Agencia Estado,

29 de agosto de 2003 | 19h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.