Diego Maradona é o novo técnico da seleção argentina

O ex-jogador Diego Maradona, maior ídolo da história do futebol argentino, é o novo técnico da seleção do país. O craque foi escolhido para o cargo após uma reunião com Julio Grondona, presidente da Associação de Futebol Argentino (AFA)."Estou mais do que bem: satisfeito e muito tranqüilo", disse Maradona, que tem curta experiência na função - no início da década, ele comandou Boca Juniors e Racing, mas não foi bem sucedido.O encontro desta terça-feira definiu um novo projeto, com uma comissão de treinadores responsável pelo comando da seleção argentina. Carlos Bilardo, técnico da equipe nas Copas de 1986 e 1990, assumiu o papel de supervisor, enquanto Pedro Troglio, atualmente no Cerro Porteño, será o auxiliar-técnico. De acordo com Grondona, a formação do grupo de técnicos diminuirá a pressão sobre o ídolo. "A responsabilidade não pode cair sobre uma única pessoa", afirmou o dirigente. Maradona assume o lugar de Alfio Basile, demitido no dia 16 deste mês, após a derrota por 1 a 0 para o Chile, pelas Eliminatórias da Copa do Mundo. Os argentinos ocupam a terceira colocação na tabela, com 16 pontos ganhos.Segundo o ex-jogador, a indicação de Bilardo para o cargo de supervisor foi o que abriu as portas para sua escolha. Apesar de fazer parte de uma comissão, Maradona afirmou que terá total controle sobre as convocações e a escalação da equipe.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.